Connect with us

Camara de Natal

CMN festeja protagonismo do povo preto na conquista da abolição da escravatura

Publicado

em

Em alusão ao 13 de maio de 1888, data documental da abolição da escravatura no Brasil, a Câmara Municipal de Natal realizou, nessa terça-feira (14), uma sessão solene em homenagem ao protagonismo do povo preto nessa conquista e na luta contra os diversos tipos de racismo, bem como pelos direitos e espaços que ainda lhe são negados até hoje, 136 anos depois da Lei Áurea. 

Foram homenageadas 20 pessoas e grupos de religiões de matriz africana e ameríndia, e com atuação na área da saúde, educação, segurança pública e cultura.  A propositora da sessão solene, vereadora Brisa Bracchi, explicou que homenagear personagens de destaque do povo preto é trazer o protagonismo para aqueles que realmente conquistaram a liberdade para os ancestrais escravizados. 

“Precisamos reescrever a história que nos foi contada, pois a abolição não foi dada pela princesa, mas sim conquistada por pretos e pretas”, afirmou a parlamentar. No que foi ratificada pela coordenadora da igualdade racial da Secretaria de Estado das Mulheres, da Juventude, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos (SEMJIDH), Giselma Omilé, que acrescentou ainda que até os dias atuais o povo preto segue lutando por direitos básicos, que lhe são negados desde o dia
 14 de maio de 1888.

Entre os homenageados, os líderes religiosos Ogan João de Oxalá (candomblecista) e Pai Freitas (juremeiro) ressaltaram que a ocupação de espaços como o da sessão solene na Câmara Municipal é sempre importante contra o racismo religioso, que tem crescido nos últimos anos.

Já para outro homenageado, Renato Santos, doutorando no Instituto de Políticas Públicas da UFRN, a sessão solene em alusão ao 13 de maio e em homenagem à luta do povo negro é importante para afirmar a existência da população preta em Natal e no Rio Grande do Norte, que sofreu a tentativa de apagamento. 

Texto: Ilana Albuquerque
Fotos: Verônica Macedo

Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Camara de Natal

Vereadores de Natal concluem votação do novo regimento interno da Câmara

Publicado

em

Os vereadores de Natal concluíram nesta terça-feira (28) a votação do Projeto de Resolução nº 35/2023, de autoria da Mesa Diretora, que atualiza o Regimento Interno da Câmara Municipal. As emendas que propõem mudanças no estatuto começaram a ser votadas na última terça-feira (21).

São alterações que reorganizam horários e tempo de sessões, audiências, ritos de procedimentos, prazos e composições de colegiados e da Mesa Diretora, entre outras. A vereadora Nina Souza (União Brasil) explicou que as alterações darão mais celeridade e transparência aos trabalhos. “Encerramos as discussões por completo e amanhã teremos a deliberação final apenas do texto. Esse regimento precisava de fato ser reestruturado para que os processos tramitem com celeridade e transparência”, declarou.

O Regimento é o instrumento que rege as atribuições do Poder Legislativo, contemplando as funções legislativas, fiscalizadoras e administrativas da Casa. É a primeira grande reformulação que Câmara de Natal realiza desde 2006.

“É a nossa lei maior que rege todos os procedimentos legislativos. É muito importante para essa legislatura estar promovendo um trabalho que iniciou em 2017, com uma comissão especial formada por mulheres. Precisamos agora revisar a Lei orgânica do Município que será outro marco para o poder Legislativo”, destacou o vereador Raniere Barbosa (União Brasil).

Texto: Cláudio Oliveira

Fotos: Francisco de Assis

Continue lendo

Camara de Natal

Frente Parlamentar em Defesa da Criança realiza palestra em escola na Zona Norte

Publicado

em

Alunos da terceira série do ensino médio da Escola Estadual Cônego Luiz Wanderley, situada no bairro Pajuçara, na Zona Norte de Natal, recebeu na manhã desta terça-feira (28), uma palestra que se insere na programação do Maio Laranja, mês todo dedicado a combater e enfrentar os crimes que violam os direitos das crianças e adolescentes. A iniciativa é promovida pelo Projeto “Escola na Frente” da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente da Câmara Municipal de Natal. 

“Acho muito importante falar sobre isso, porque tem pessoas justamente que sofrem e têm medo de falar. Então, a partir de uma palestra dessa, elas sabem o que estão passando, arrumam coragem para falar, para abordar sobre o assunto, para falar sobre si própria. Por isso, acho muito importante para as pessoas conscientizarem a respeito”, destacou a estudante Maria Fernanda, de 17 anos.

Para a vereadora Julia Arruda (PCdoB), que preside a Frente Parlamentar, a iniciativa pretende dialogar com a comunidade escolar e fazer da escola um espaço seguro para identificar os primeiros sinais de abuso infantil. “A escola é um palco, muitas vezes para perceber se algo de errado vem acontecendo. Se aquela criança tem mudado seu comportamento e se está sendo vítima de uma violência, muitas vezes doméstica e familiar. Nós precisamos ficar atentos aos sinais e não ser coniventes com esse tipo de crime se tiver algum indício. Alguma situação que violou os direitos dessas crianças, não pensar duas vezes e procurar um Conselho Tutelar e fazer com que essas crianças tenham as suas vidas resguardadas e possam ser crianças, tendo acesso à educação, a um lazer, cultura, saúde, qualquer tipo de iniciativa, menos estar vivendo num contexto de violência”, disse a vereadora.

Já para o psicólogo Francisco Pereira, da Casa Renascer, Centro de Defesa da Criança, a palestra ministrada aos alunos entra como uma das formas de prevenção que contribui na identificação. O palestrante chama a atenção para as estatistas, que mostram que a exploração sexual, em sua maioria, ocorre dentro da própria casa.

“É eficaz poder favorecer momentos como esse, além também de rodas de conversa, para que a criança e adolescente possam expressar seus pensamentos, suas ideias e que assim, consigam também identificar, a partir de metodologias de autoproteção, aquilo que é abuso, aquilo que é carinho. É também uma forma de autoproteção. Como diferenciar o que é um carinho natural de um parente, por exemplo, porque muitas situações acontecem às vezes dentro de casa. Por isso, identificar esse carinho de pessoas conhecidas em relação a situações que geralmente levam a um segredo ou um: ‘não conte para ninguém’. Isso, você já deve ficar em alerta,” disse o profissional.

Texto: Phablo Galvão 
Fotos: Francisco de Assis

Continue lendo

Camara de Natal

Empresário Joaci Gonçalves Mafra recebe Título de Cidadão Natalense

Publicado

em

O Título de Cidadão Natalense foi outorgado ao empresário Joaci Gonçalves Mafra, nessa segunda-feira (27), em sessão solene no plenário Érico Hackradt. “A Câmara Municipal de Natal cumpre papel importante de reconhecer a trajetória de vida e dedicação, bem como os relevantes serviços prestados por Joaci Mafra, na economia e na geração de emprego e renda em nossa cidade”, enfatizou o propositor da honraria, vereador Kleber Fernandes.

Joaci Mafra nasceu em São Tomé/RN, em 1961, e chegou a Natal na década de 90. Em 1995, iniciou a empresa Agronorte Comércio LTDA, especializada em produtos veterinários, rações e produtos agropecuários em geral, uma referência no bairro do Alecrim, onde começou e permanece. 

Hoje, com 29 anos no mercado, administrada por Joaci, a esposa Ana Tereza e os filhos André e Joacy Filho, a Agronorte conta com duas lojas e uma distribuidora, cuja matriz se localiza na BR 101 e gera mais de 70 empregos diretos e indiretos. 

“Esse é um momento ímpar na minha vida, por estar sendo reconhecido cidadão de Natal, cidade que tenho como minha. Não me arrependo de nada. Empreender é difícil. Mas quando se faz com amor e responsabilidade, alcançamos nossos objetivos. Faria tudo novamente”, disse Joaci, sobre o Título de Cidadania.

Vários amigos e familiares do homenageado compareceram à sessão solene, inclusive o prefeito do Município de São Tomé, Anteomar Pereira da Silva. “Lembro de Joaci desde minha infância, quando frequentava o comércio da minha família ainda  menino”, recordou Mateus Feitosa, presidente da Associação dos Empresários do Bairro do Alecrim (Aeba). 

“Joaci é um empresário de destaque no Alecrim e faz parte da Aeba desde a criação, há 20 anos. Ele é uma inspiração e participa ativamente para manter o comercio do nosso bairro vivo como ele é”, testemunhou Feitosa sobre o homenageado.

Texto: Ilana Albuquerque
Fotos: Verônica Macedo

Continue lendo

Camara de Natal

Vereadores da Comissão de Saúde vistoriam sistema de distribuição de medicamento

Publicado

em

Em mais uma agenda de fiscalização aos equipamentos de saúde, a Comissão de Saúde, Previdência e de Assistência Social da Câmara Municipal de Natal realizou na tarde desta segunda-feira (27) uma nova visita ao Departamento de Assistência Farmacêutica (DAF) e Departamento de Logística e Suporte Imediato à Saúde (DLS) a fim de verificar o andamento dos trabalhos, identificar possíveis problemas e providenciar soluções. Participaram do encontro os vereadores Luciano Nascimento (PSDB), presidente do colegiado, Camila Araújo (União Brasil) e Peixoto (PTB).

Um dos pontos mais abordados no encontro foi a falta de insulina no ProSUS. De acordo com o vereador Luciano Nascimento, ainda não tem previsão para a chegada das insulinas. “O processo licitatório, a burocracia e a lentidão do processo precisam ser frisados. Lamentamos que esses medicamentos não estejam à disposição dos pacientes cadastrados. A gente encontrou aqui uma equipe comprometida, com servidores querendo fazer o trabalho direito, mas as dificuldades da gestão comprometem a logística dos insumos fundamentais para o funcionamento das unidades básicas de saúde”. 

A vereadora Camila Araújo falou que o sistema de distribuição de medicamentos da capital potiguar passa por um momento delicado. “Existe um gargalo que atrapalha o abastecimento dos hospitais, UPAs e outros equipamentos de saúde. A falta de insulina é um problema sério porque temos uma população com um número significativo de diabéticos. Mas o estoque está zerado. Existe um processo de compra em tramitação já bem avançado, porém, ainda não concluído”, pontuou.

Para o vereador Peixoto, a visita da Comissão de Saúde pode acelerar a chegada dos insumos necessários para o atendimento dos usuários do SUS em Natal. “Vamos saber se essa situação difícil vai continuar. Esperamos que mais caminhões carregados de medicamentos cheguem para acabar com as carências. Acredito que nos próximos dias as coisas vão acontecer e as unidades de saúde serão abastecidas para dar respostas àqueles que precisam, de verdade, dos insumos”.

Luiz Ricardo Nunes, diretor do DLS, explicou como funciona o trâmite administrativo para a aquisição de medicamentos. “O processo burocrático na secretaria perdurou uns seis meses para poder resolver a questão do empenho. Isso foi resolvido, a empresa recebeu e está entregando em quatro parcelas: 25% cada entrega. Já recebemos uma parte dos insumos e distribuímos imediatamente. A expectativa é que na próxima semana chegue o restante para colocarmos nossos estoques em dia”, informou.

Texto: Junior Martins
Fotos: Elpídio Júnior

Continue lendo

Camara de Natal

Câmara de Natal discute regulamentação de professores de artes marciais

Publicado

em

A Câmara Municipal de Natal reuniu representantes de modalidades esportivas para debater, na manhã desta sexta-feira(24), em Audiência Pública, a regulamentação dos instrutores das artes marciais. A iniciativa foi de preposição do vereador Hermes Câmara (PSDB). 

O debate girou em torno do projeto discutido na Câmara dos Deputados que traça diretrizes próprias para a profissão no Brasil. Com o avanço da proposta, o ensino de esportes de combate seria desvinculado das atividades que se enquadram no ramo da Educação Física.

Os presentes falaram do constrangimento que passam nas competições com a exigência pela obrigatoriedade do diploma de Educação Física. Os representantes defenderam que o esporte de combate é um tipo de atividade que precisa de experiência prática. 

Uma delas foi a chefe de gabinete da Secretaria de Esporte e Lazer de Natal, Clara Borges, que é faixa preta no judô. “Esse debate de autoria do vereador Hermes Câmara é de grande importância para o crescimento do esporte na cidade. As competições organizadas, por exemplo, o JERN’S, que tem mais de 50 anos no Estado, é obrigatório ter o CREF, o registro do curso de educação física, para poder sentar na cadeira. Então, tem professores que ficam impedidos de atuar e sentar. Para o atleta, que treina com o professor desde cedo e chega numa competição e não pode ter seu técnico junto, sentado ali na beira do tatame, é muito frustrante”, disse. 

As falas dos presentes na audiência se somam na defesa do critério de que cada confederação determine quais os parâmetros de qualificação para se tornar professor. Por exemplo, tempo de prática ou divisão por faixas coloridas.

“O projeto de lei tem toda uma regra e uma parametrização do que irá acontecer, como também a capacitação desses profissionais. A parte da teoria, em alguns aspectos, é muito importante. Então, tem que ter a teoria, mas também a prática. E as confederações serão corresponsáveis nesta fiscalização. Com o reconhecimento dos professores de cada arte marcial, seja ela qual for. Mas, realmente será um conjunto de entes que irão regulamentar, fiscalizar e possibilitar que esses profissionais atuem de forma legal a partir de então”, destacou o vereador de Parnamirim, Thiago Fernandes, faixa preta no Karatê.  

Já Carlos Alexandre, presidente do SINDILUTAS (Sindicato dos profissionais de lutas e artes marciais) frisou a importância de que as artes marciais precisam de uma legislação própria, pois não podem ser comparadas a outros tipos de atividade física.

O propositor da Audiência, vereador Hermes Câmara, falou da importância do debate e do projeto discutido.“Apesar da importância reconhecida dessas práticas, os profissionais que lecionam essas modalidades não possuem uma regulamentação específica, deixando claro que a atividade é distinta daquela exercida pelos professores graduados em educação física”, concluiu. 

Texto: Phablo Galvão 
Fotos: Francisco de Assis

Continue lendo

Camara de Natal

Presidente do Instituto Motivar recebe Título de Cidadã Natalense

Publicado

em

A ex-atleta de bodyboard Aline Daniely Gomes de Mello recebeu Título de Cidadã Natalense, da Câmara Municipal de Natal, nesta quinta-feira (23). A entrega foi na sede do Instituto Motivar, do qual ela é fundadora e presidente na Vila de Ponta Negra, zona Sul da capital. A proposição foi do vereador Daniel Valença, que destacou os “serviços prestados pela homenageada e pela ONG aos filhos da classe trabalhadora da comunidade na qual está inserida”.

“Chegamos aqui no início dos anos 90. Aline se apaixonou pelo mar de Ponta Negra e depois de perder muitos amigos e amigas para as drogas, para o tráfico e para a prostituição, iniciou o trabalho em prol da comunidade na Vila, até fundar o Motivar, em 2012”, conta Cleonice Gomes, mãe da homenageada.

Filha de pais potiguares, Aline Daniely nasceu no Pará, na cidade de Castanhal. O interesse pelo bodyboard surgiu logo que chegou a Natal, aos 12 anos de idade. Depois, o interesse tornou-se paixão e dedicação, que a fez tricampeã, quatro vezes vencedora do prêmio Dez de atleta destaque do RN e figurar entre as três melhores atletas na categoria profissional do Brasil. 

“Nasci paraense, mas potiguar de pai e mãe. Natal é parte de mim e agora tenho um Título de Cidadã, para provar que sou natalense sim. Amo demais esse lugar. Quando atleta, fui competir em lugares fantásticos, mas quando eu chegava na avenida Roberto Freire e via o mar de Ponta Negra, eu me dizia: Estou em casa!”, contou Aline, que revelou que seus planos são de fazer crescer ainda mais o Instituto Motivar, levando-o para outras comunidades da cidade.

O amigo e diretor operacional do Instituto Motivar, Henrique Homans, lembra que  Aline iniciou o trabalho social dando aula de bodyboard a crianças da Vila. Hoje, o Instituto Motivar possui duas sedes, atente 230 crianças e realiza mais de mil atendimentos com aulas de surf, bodyboard, karatê, ballet, Yoga, informática, habilidades socioemocionais e muitos outros projetos. 

Texto: Ilana Albuquerque
Fotos: Verônica Macedo

Continue lendo

Camara de Natal

Câmara de Natal avança na votação de 81 artigos do novo regimento interno

Publicado

em

Os trabalhos plenários desta quinta-feira (23) continuaram dedicados exclusivamente à votação do Projeto de Resolução n.º 35/2023, de autoria da mesa diretora, que dispõe sobre o novo Regimento Interno da Câmara Municipal de Natal. 

O Regimento Interno regula o funcionamento da Câmara, nas áreas administrativa, legislativa e processual. Na Câmara de Natal, passa atualmente pela primeira grande reformulação desde 2006. Já foram votados 81 artigos de um total de 242, com diversas emendas que mexem em aspectos gerais do texto todo. 

O primeiro secretário, Aldo Clemente (PSDB), foi um dos vereadores que apresentou um artigo com algumas emendas para serem atualizadas. 

“O Regimento Interno está um pouco atrasado e já fora da realidade. Por isso, nós estamos atualizando. Apresentei um texto geral, alterando vários artigos e corrigindo alguns também. Estamos votando um projeto que tem mais de 200 artigos. E todos nós, vereadores, estamos nos debruçando, debatendo, apresentando também emendas ao projeto. Nesse sentido, é seguro afirmar que a conclusão da votação fique ainda para a semana que vem, em razão dos cuidados e da cautela de cada votação, já que vai impactar na tramitação dos processos da Casa, dos vereadores e na atuação de cada vereador nas próximas legislaturas,” disse.

Já no pequeno expediente, a vereadora Camila Araújo (União Brasil) comentou sobre a deflagração da Operação Disfarça do Ministério Público do Rio Grande do Norte, que está investigando todos os crimes de fake news que estão sendo vinculados no estado. Segundo a vereadora, uma resposta aos que tentam desconstruir reputações.

“Nós acompanhamos vários casos de notícias falsas, as fake news, vinculadas em blogs, em jornais, envolvendo algumas personalidades. Inclusive, fui uma pessoa vítima de uma situação como essa. Então, nós acionamos a justiça e o juiz encaminhou para o Ministério Público. Na manhã de hoje, foi deflagrada a Operação Disfarça, que vai investigar todos os crimes de fake news que estão sendo veiculados aqui no estado do Rio Grande do Norte. Uma resposta clara de que a internet não é uma terra sem lei,” pontuou a vereadora parabenizando a entidade na defesa dos direitos humanos.

Texto: Phablo Galvão 
Fotos: Francisco de Assis

Continue lendo

Camara de Natal

20 anos da Igreja Batista Cidade são celebrados com homenagem da Câmara

Publicado

em

Por proposição do vereador Preto Aquino (Podemos), a Câmara Municipal de Natal homenageou com uma sessão solene, nesta quarta-feira (22), a Igreja Batista Cidade (IBCidade) pelos seus 20 anos de atuação na capital potiguar. O ato solene aconteceu durante um culto na própria igreja e contou com a participação de lideranças religiosas, parlamentares e membros da congregação.

Com mais de 1 mil membros, a comunidade evangélica está localizada no bairro Neópolis, Zona Sul da cidade, tendo o domingo como ponto alto das atividades semanais com a realização de dois cultos. Além do apoio espiritual, a igreja desenvolve diversos projetos na área da assistência social, por exemplo, serviço de psicologia, e distribuição de cestas básicas para famílias carentes.

“Quem chega hoje neste templo e observa o tamanho, beleza e organização, nem imagina que tudo isso começou na garagem da casa dos seus fundadores. É incrível o que aconteceu na vida dessa comunidade em duas décadas. Portanto, é uma alegria imensa ver o êxito da Igreja Batista Cidade, que merece, com toda certeza, o reconhecimento do Legislativo natalense pelos relevantes serviços prestados à sociedade”, comemorou o vereador Preto Aquino.

Ao fazer uso da palavra, o pastor e fundador da IBCidade, Antônio Targino, agradeceu a homenagem da Câmara Municipal de Natal. “A propositura,não foi provocada por mim nem por nenhum dos pastores da igreja, foi um gesto espontâneo e generoso do parlamento que representa o povo da nossa cidade. Trata-se de uma honraria muito simbólica que recebemos com satisfação. É tempo de dar glórias a Deus por tantas bênçãos e vitórias como essa”.

O vice-presidente da congregação, Pastor Elisafá Pereira, recordou um pouco da história da Igreja Batista Cidade. “Sdar glória ão 20 anos marcados por pessoas que entraram aqui muitas vezes desesperadas, com muitos problemas, e agora estão renovadas porque Deus agiu nas suas vidas. Então, declaro minha gratidão ao Senhor Jesus pela oportunidade de poder caminhar junto com a igreja e testemunhar como Ele tem atuado através da vida de muitas pessoas aqui, não só dos pastores”.

Texto: Junior Martins
Fotos: Verônica Macedo

Continue lendo

Camara de Natal

Licença Adoção é debatida em audiência de Frente Parlamentar da Câmara

Publicado

em

Nesta quarta-feira (22), a Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes da Câmara Municipal de Natal realizou uma audiência pública para discutir a Licença Adoção para os servidores do Município. O debate foi mediado pela vereadora Júlia Arruda (PCdoB) e contou com a participação de representantes de instituições empenhadas na causa da adoção, autoridades do judiciário, líderes sindicais e sociedade civil.

A Licença Adoção possui duração de 120 (cento e vinte) dias consecutivos prorrogáveis, a pedido do agente público, por mais 60 (sessenta dias), resultando em um total de 180 (cento e oitenta) dias consecutivos. O marco inicial da licença adotante ocorre a partir da data do Termo de Adoção ou do Termo de Guarda e Responsabilidade da criança. A concessão tem início na data da ocorrência do fato gerador, independentemente de coincidir com final de semana, feriado ou dia já trabalhado.

Em seu discurso, a vereadora Júlia Arruda disse que a Frente Parlamentar abre espaço para discutir um tema que está dentro da programação da 10ª Semana Estadual da Adoção. “Hoje a capital potiguar não conta com a legislação que possibilita trabalhadores e trabalhadoras a contar com a licença à adoção. Felizmente, temos duas leis neste sentido tramitando aqui na Câmara. Existe a de minha autoria e a de iniciativa da vereadora Nina Souza. Estamos trabalhando para unir as duas propostas e oferecer aos trabalhadores natalenses  esse direito”.

Michelly Bezerra, assistente social da Segunda Vara da Infância,  fez uma apresentação sobre a situação da licença adoção. “Quando a gente fala em direito da criança e do adolescente, a gente vê que ainda tem muito o que garantir, em especial as que estão em processo de adoção, que necessitam ter os pais perto nessa fase mais intensa da adaptação. E quando falamos nesse direito de licença adoção, constatamos que precisamos avançar no sentido do tempo que é concedido aos servidores públicos municipais,  para que tenham o mesmo direito dos outros servidores”, defendeu.

O juiz José Dantas, coordenador da Infância e Juventude, também participou da audiência e falou sobre o assunto. “Se os pais biológicos têm esse direito, por que não os adotivos? Considero uma discriminação. E tem mais, o filho adotivo requer uma presença maior e de qualidade. Significa dizer que quando se adota, você leva uma pessoa para a sua família, alguém que você não conhecia. Então, para que haja um fortalecimento desse vínculo de pai e filho, você tem que estar presente. Por isso o tema é tão importante e o Legislativo natalense está de parabéns por promover este debate”.

Texto: Junior Martins 
Fotos: Elpídio Júnior

Continue lendo

Camara de Natal

Câmara de Natal debate emendas do novo regimento interno

Publicado

em

As discussões das emendas do Regimento Interno da Câmara Municipal de Natal dominaram toda a pauta da sessão ordinária desta quarta-feira (22). Buscando atualizar e dar mais agilidade legislativa, os vereadores debatem desde ontem o novo estatuto. Ainda faltam 190 artigos para a conclusão dos trabalhos.

Esta é a primeira vez que o Regimento Interno é alterado desde 2006. A discussão do novo texto começou a ser trabalhada em 2017.

“O regimento atual, que vem ao longo de muitos anos sendo aplicado na Câmara de Natal, está ultrapassado. Além disso, na dinâmica diária, o nosso regimento hoje traz brechas para retrabalho e não otimiza as atividades. Nesse sentido, precisamos de um regimento mais claro e mais dinâmico, que confira celeridade às matérias. Além disso, é claro, que a população, sobretudo, não tenha o seu direito prejudicado nas discussões de matérias”, destacou a vereadora Nina Souza (União Brasil).

No Pequeno Expediente, o vereador Felipe Alves (União Brasil) abordou a exclusão de Natal como uma das sedes da Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2027. Das cidades sedes de 2014, quando o Brasil foi o anfitrião da Copa masculina, apenas Natal não continuou. O vereador fez um apelo à CBF pela inclusão da capital potiguar.

“É estranho esse anúncio de que Natal não está incluída entre as sedes da Copa Feminina. Até porque nós fomos sede da Copa do Mundo de Futebol Masculino. Temos um estádio muito bem equipado, que hoje é modelo para o Brasil. Sem falar na nossa rede hoteleira, que é também destaque, além das nossas belezas naturais e um povo acolhedor. Então, não vejo qualquer justificativa para essa exclusão de Natal”, pontuou o vereador, acrescentando que vai integrar uma mobilização da classe política.

“Acredito que ainda há tempo, através de uma mobilização da classe política e daqueles que podem fazer chegar à CBF o que Natal representa e o que tem a oferecer para receber esse evento. Nesse sentido, apresentei um requerimento em nome de todos os vereadores e vou colher a assinatura de cada um deles para que a CBF reveja essa decisão”, disse.

Texto: Phablo Galvão  
Fotos: Francisco de Assis

Continue lendo

Populares